Conferência promovida pela CUT debate saúde e segurança

CUT promove 1ª Conferência Estadual da Saúde do Trabalhador em diversos estados brasileiros. O evento, que aqui no estado, ocorre no auditório da sede do Sintraconst/ES debaterá quatro eixos relacionados à saúde no ambiente de trabalho: seguridade, meio ambiente, novas tecnologias e organização trabalhista. As propostas e as resoluções serão levadas para a conferência nacional da central sindical no primeiro semestre de 2014 e, posteriormente, para um encontro sobre saúde do trabalhador organizado pelo Ministério da Saúde. Representando o Sindicomerciários os diretores Genivaldo Lopes e Jaldo Ferreira estiveram presentes na conferência.

De acordo com o Ministério da Previdência Social, foram registrados aproximadamente 700 mil acidentes de trabalho em 2012. O secretário de Saúde do Trabalhador da CUT, Luiz Antônio Queiroz, explica que o número é alto porque hoje há mais notificações de acidentes. “Com algumas modificações no sistema de denúncias, os acidentes são mais notificados agora. Antes eles eram, de certa forma, maquiados pelas empresas”, disse.

Além disso, o secretário argumenta que não há medidas preventivas no ramo da saúde no ambiente de trabalho. “Infelizmente, a saúde do trabalhador acaba ficando restrita nesses pontos, porque os sindicatos lidam com o indivíduo já acidentado ou já adoentado. Não se fala em prevenção, a fiscalização é deficitária, as normas são antigas e o capital não investe nisso. Os acidentes acabam sendo vistos como um custo social.”

Para Queiroz, as conferências estaduais e nacional têm a função de esclarecer os problemas para toda a sociedade e voltar a atenção do Ministério da Saúde para o tema, com a promoção de políticas públicas para a prevenção dos acidentes em locais de trabalho.

Lido 8123 vezes
Avalie este item
(1 voto)
Publicado em Notícias Gerais

Denúncias

Se você está sofrendo qualquer tipo de abuso no seu local de trabalho, o Sindicato sempre será o seu maior aliado!

Informativos