Clipping
URGENTE! Bolsonaro quer fim do 13º e férias (Sexta, 28 Setembro 2018 17:23)
Promoção especial do Dia das Crianças (Quarta, 15 Agosto 2018 09:57)
Linhares

Linhares (3)

Terça, Out 15 2013

A direção do Sindicomerciários, através da regional de Linhares, passa a oferecer prestação de serviço jurídico para atender a intensificação das demandas da categoria nessa área surgidas principalmente após a ampliação do horário de funcionamento do comércio das 7h às 22h.

O novo horário foi determinado com a modificação de parte da Lei 2.749, de 28 de dezembro de 2007. A alteração foi aprovada pela Câmara dos Vereadores e sancionada pelo prefeito sem qualquer discussão com o Sindicato e a categoria.

O atendimento será na regional do Sindicato (Rua Capitão José Maria, 1.388/215, Ed. Monsarás), sempre as sextas-feiras, no horário das 9h às 11h. O telefone do Sindicato é o (27) 3264-2321.

“É importante deixar claro que a Lei 2.749 continua a mesma no que diz respeito ao funcionamento do comércio aos domingos e feriados, que só pode ser feito mediante autorização expressa do Sindicato através de acordo específico que trate do tema”, alertou o diretor do Sindicato em Linhares, Sebastião Cuzzuol. O dirigente explica que o projeto de regulamentação da profissão do comerciário, recém sancionado pela presidente Dilma, fixa a jornada de trabalho diária em oito horas e a semanal em 44 horas. Tudo que exceder a partir daí é ilegal.

“Estamos de olho, atentos e atuantes na defesa dos direitos e interesses da categoria, sobretudo no que diz respeito à jornada de trabalho. Caso sua empresa esteja estendendo o horário além do que é determinado pela lei, procure o Sindicato”. O dirigente lembra, ainda, que comerciários estudantes não podem trabalhar após às 17h30, segundo a lei municipal.

Terça, Jul 02 2013

Se é que foi discutido com alguém, o projeto do vereador tucano e presidente da Câmara, Miltinho Colega (PSDB), que libera o funcionamento do comércio em Linhares só deve ter chegado ao conhecimento dos empresários do setor. Se é que não foi encomendado por eles.

O fato é que os principais interessados nessa história, os cerca de 40 mil trabalhadores no comércio da cidade ficaram de fora. Nem a categoria nem o Sindicato foram ouvidos. O que torna o projeto de interesse exclusivamente unilateral e extremamente antidemocrático. O vereador Amantino inclusive se posicionou contra o projeto porque não havia nenhum representante do Sindicomerciários na sessão que o aprovou.

“A mesa diretora inclusive mentiu, ao informar que fez contato com o presidente do Sindicato e que ele estaria viajando para Vitória, motivo pelo qual não estaria presente na sessão”, desmentiu o presidente do Sindicato, Jakson Andrade.

Segunda, Jul 01 2013

A sede do Sindicato em Linhares acaba de iniciar o atendimento jurídico para a categoria. O serviço, que já estava em estudo já há algum tempo, foi acelerado por conta da modificação do horário do comércio local.

A alteração foi aprovada pela Câmara dos Vereadores e sancionada pelo prefeito sem qualquer discussão com o Sindicato e a categoria e foi motivo de forte manifestação por parte do Sindicomerciários, trabalhadores no comércio e a população. O atendimento jurídico será na sede do Sindicato em Linhares (Rua Capitão José Maria, 1.388/215, Ed. Monsaras), sempre as sextas-feiras, no horário das 9h às 11h. O telefone do Sindicato é o (27) 3264-2321.

Embora o horário tenha sido alterado a legislação continua a mesma no que diz respeito ao funcionamento do comércio aos domingos e feriados, que só pode ser feito mediante autorização expressa do Sindicato, através de acordo específico. Mas é importante estar atento que o projeto de regulamentação da profissão do comerciário, recém sancionado pela presidente Dilma, fixa a jornada de trabalho diária em oito horas e a semanal em 44 horas. Tudo que exceder a partir daí é ilegal.

Fiquem atentos - O Sindicato está de olho, atento e atuante na defesa dos direitos e interesses da categoria, sobretudo no que diz respeito à jornada de trabalho. Caso sua empresa esteja estendendo o horário além do que é determinado pela lei, procure o Sindicato. Detalhe: comerciários estudantes não podem trabalhar após às 17h30, segundo a lei municipal.

Denúncias

Se você está sofrendo qualquer tipo de abuso no seu local de trabalho, o Sindicato sempre será o seu maior aliado!

Informativos



Siga-nos nas redes sociais

Receba nossas notícias