Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Em sua primeira semana de greve, deflagrada no último dia 18, os trabalhadores em concessionárias realizaram na manhã desta quarta-feira (25) manifestação em frente à loja da Shori Veículos, em frente ao antigo aeroporto, e seguiram em passeata até a Ponte da Passagem.

Os trabalhadores abraçaram a luta da diretoria do sindicato e exigem voltar a serem representados pelo Sindicomerciários na mesa de negociação com o SINCODIVES, que representa os interesses das empresas concessionárias. Há quatro anos, essa entidade rompeu unilateralmente as negociações com o Sindicomerciários e passaram se reunir com uma entidade fantasma forjada pelos próprios empresários para retirar direitos dos empregados.

Desde então, os trabalhadores de concessionárias têm perdido direitos históricos assegurados pelo Sindicomerciários em CCT, tais como plano odontológico e seguro de vida, horário de almoço de 80 minutos (hoje o período é de 30 minutos), pagamento de horas para quem é obrigado a participar de cursos e seminários determinados pela a empresa além da jornada de trabalho, redução do adicional por quebra de caixa, entre outros.

Além dos trabalhadores comerciários em concessionárias a paralisação desta quarta-feira contou com a solidariedade de sindicatos de diversas outras categorias profissionais como o Sinergia, Sindfer, Sindimetal, Sindilimpe, Sintraconst, entre outros.

Veja todas as imagens abaixo:

×